Três Picos de Salinas

Matéria com conteúdo informativo sobre o Parque Estadual Três Picos.

Foto: Mathews Puga

A formação rochosa dos Três Picos de Salinas encontra-se no Parque Estadual Três Picos (PETP), na sede de Nova Friburgo / RJ. O parque, criado em 2002, abrange uma área de 46.350 hectares e é o maior parque estadual do Rio de Janeiro, com porções nos municípios de Cachoeiras de Macacu, Silva Jardim, Teresópolis, Nova Friburgo e Guapimirim. O Pico Maior de Friburgo possui 2316 metros e é o ponto culminante da serra do mar.

Ao redor da região da formação rochosa encontram-se outras pedras e picos interessantes, como o Morro do Gato, a Pedra da Caixa de Fósforo, a Pedra do Capacete (2200 m), que fica ao lado dos Três Picos, e a Pedra da Cabeça de Dragão (2019 m). O Pico Menor possui 2260 metros e o Pico Médio, 2280 metros e ambos têm acesso por uma trilha que dura cerca de 3 horas desde a base das rochas. Já o Pico Maior pode-se alcançar o seu cume apenas escalando. 

Caixa de Fósforo - Foto: Mathews Puga

As caminhadas são consideradas de nível médio à difícil e as trilhas são bem sinalizadas por fitas coloridas e placas, orientando o caminho certo. A trilha que leva ao Vale dos Deuses e aos Três Picos tem um visual espetacular, pela vista do Pico da Caledônia, que possui 2219 metros, também em Nova Friburgo.

Pico da Caledônia - Foto: Mathews Puga

Uma aventura muito interessante é a Travessia dos Frades, que liga o Vale dos Deuses, localizado em Nova Friburgo, ao Vale dos Frades, em Bonsucesso. Ao longo da trilha, encontra-se muitas cachoeiras, com a fauna e a flora muito bem preservadas e pedras excepcionais, como a Pedra da Mulher de Pedra.

Conjunto Mulher de Pedra - Foto: Mathews Puga


Pretendendo Viajar? 
Vá com a AFCC Aventuras. Descontos especiais para Leitores Blog do Puga
Informações: mathewspuga@afccaventuras.com.br


As primeiras ascensões foram no ano de 1946, pela via Silvio Mendes. As principais escaladas se encontram no Pico Maior e no Capacete, escalada livre de parede, tradicional, misto de proteções fixas com uso de equipamento móvel, vias longas de várias enfiadas, escaladas expostas. São aproximadamente 100 vias na região, como por exemplo, a conhecida via Leste do Pico Maior, com 700 metros de extensão, a via Rodolfo Chermont e a via CERJ, ambos no Capacete. O tipo de pedra é o granito e o acesso deve ser feito pelo parque estadual, com necessidade de preencher um formulário na sub-sede, onde também podem ser contratados guias de escalada e se informar mais sobre a região.

É indispensável ir bem equipado para a região, pois não é nada difícil de se perder no parque e o clima pode mudar num estalar de dedos. Leve sempre seus equipamentos de montanhismo. Recomendo passar um fim de semana inteiro no local para poder conhecer diversos atrativos dos Três Picos. Leve suas barracas de camping, mochilas cargueiras e de ataque, isolantes térmicos, fogareiros, roupas e botas impermeáveis e divirta-se.

Lembrando que os Três Picos de Salinas são um paraíso da escalada. Sendo assim, não se esqueça de ir preparado para desafiar as rochas, vias, pedras e boulders da localidade. Coloque em sua mochila a corda de escalada, o baudrier - cadeirinha -, freios, sapatilhas, entre outros equipamentos. Uma câmera fotográfica é ótima para registrar os momentos e visuais do parque.

Como chegar:

De carro: A partir da RJ 130 que liga Teresópolis à Nova Friburgo, entrar na direção da placa com indicação para São Lourenço, Barracão dos Mendes e Salinas. Seguir sempre na direção de São Lourenço. Para ir direto às montanhas, entre na placa indicando Três Picos e suba aproximadamente 3,5 km até a sub-sede do PETP, lá se informe sobre as condições da estrada. Para ficar em algum dos refúgios da parte baixa, entrar no povoado de Santa Cruz e seguir aproximadamente 3 km em estrada de terra.

De ônibus: Uma vez em Nova Friburgo, tomar na rodoviária municipal no centro da cidade o ônibus para São Lourenço. Atenção, o nome Salinas vai te levar para outro lugar. Se você for ficar acampado na área do PETP deve saltar do ônibus na entrada da estrada para os Três Picos e subir aproximadamente 3,5 km de estrada de terra até a sub-sede do parque. Informe-se sobre as condições do camping. Para se hospedar nos refúgios, salte em Santa Cruz e boa subida. São 3 km, e com sorte, em ambos os casos, você pode conseguir uma carona.


Divisão por grau das vias (aproximado):
Até V grau – 20
Vsup à VIIc – 57
VIIIa para cima – 14
Artificial – 10


Camping:
Vale dos Deuses - PETP
Local gratuito com estrutura para muitas barracas, com água, chuveiros, sanitários e fogão à lenha.


Abrigos de montanha:
Refúgio das Águas, Refúgio Ronca Pedra, Refúgio Pedra Solta, Refúgio Três Picos, República Três Picos.


Guia de escalada local:
Guia de Escaladas da Região dos Três Picos – Sérgio Tartari – 2008




Vídeos (clicar nos links):
  1. Caixa de Fósforo e Vale dos Deuses
  2. Cabeça de Dragão e Caixa de Fósforo
  3.  Sérgio Poyares (Blog do Eliseu Frechou) - Dicas para quem vai escalar pela primeira vez em Salinas / Resgate no Pico Maior
Fontes de pesquisa:  
  1. ESPN Brasil - Blog do Eliseu Frechou
  2. Revista Headwall – edição 12 – dezembro 2005
  3. Webventure.com.br 

Comentários

Publicações mais lidas

Cachoeiras São José e Indiana Jones

Pedra Aguda - Bom Jardim / RJ

Pico da Caledônia